Centro de Filosofia das Ciências da Universidade de Lisboa
Center for Philosophy of Science of the University of Lisbon

Cidadania e Sociedade do Conhecimento

 

Projecto Interno | Internal Project

Integrado no Grupo de Investigação Filosofia das Ciências Humanas, Ética e Política


Head: Alfreda Cruz

   

OBJECTIVOS / AIMS

 

Este Projecto visa ponderar o Direito à Cidadania na Sociedade do Conhecimento, na perspectiva da implementação das políticas públicas que garantam a universalização desse direito através da especificação do perfil com que estas se possam adequar às circunstâncias da Sociedade portuguesa e ao quadro de referências que a universalizam.

A dimensão filosófica que contextualiza o projecto circunscreve-se à perspectiva epistemológica da compreensão e problematização destas mesmas referências e dos conceitos para que elas remetem, bem como para os conceitos implícitos aos valores que as subordinam. Como dar sentido à vida e à acção é a interrogação que se transfere para as condições e possibilidades de implementar de modo durável os objectivos perfilhados, dando assim resposta institucional à própria questão de partida do projecto.

A reflexão que desta postura decorre e incide no âmbito das políticas públicas, reporta-se pois a dois níveis de problematização: o da validade filosófica da utopia de referência (a dos direitos humanos enquanto património civilizacional) e o da possibilidade de arquitectar as transformações sociais visadas pela sua concretização, através de tecnologias emergentes da interacção das vertentes das ciências sociais pertinentes à problemática enunciada e aberta aos restantes saberes científicos, tecnológicos e do senso comum.

Desenvolver uma linha de I&D nesta perspectiva comporta configurá-la enquanto laboratório de ideias, lugar de pesquisa e de elaboração de princípios de formulação, pilotagem e avaliação das acções, bem como dos processos de desenvolvimento das políticas públicas em que as mesmas se inscrevam, ponderando a identificação dos seus perfis e a promoção de boas práticas susceptíveis de replicação.  

 

Linha Programática

 

1. Situar a Ciência Tal Qual se faz hoje no âmbito cultural da modernidade avançada, por se reconhecer ser este o "clima" da complexidade em que os saberes melhor se desenvolvem e interagem, recorrendo-se a um esquema de investigação interdisciplinar capaz de explorar o conceito de saber problemático, como fundamento de uma política de fortalecimento do capital social, emergente da cooperação entre comunidades locais e o sistema Ciência e Tecnologia subscritor da Sociedade do Conhecimento.

2. Contextualizar as questões emergentes da referida perspectiva na abordagem epistemológica das ciências sociais, para situarmos, em contexto da ciência política, a transversalidade da I&D, em geral, e da Investigação - acção, em particular, ao mesmo tempo que habilitaremos ambas para ancorarem, nos percursos de empowerment, de longlife learning e de certificação de competências, a análise interactiva das questões, a equação de cenários alternativos e o Knowing de resolução de problemas.

3. Equacionar a arquitectura do sistema de formação avançada, na perspectiva de gerar a dinâmica de enquadramento dos vários níveis de formação cujas necessidades na matéria o projecto se propõe identificar nas áreas de aprendizagem e de formação presencial e a distância .

4. Definir o horizonte societal que permita a experiência dos tópicos antecedentes, na abrangência da produção e operacionalização de um protótipo de entidade incubadora de cidadania social, que designaremos por Sítio local de cidadania, em contexto de democracia poliárquica. 

5. Equacionar a  criação de um Centro de Ciência Viva para a Ciência do Quotidiano e da Cidadania, provido de Exploratório e de Laboratório do Capital Social, onde confluam os formandos e os formadores provenientes dos perfis de reconfiguração de carreiras de diplomados em perda de emprego, que o MCTES se proponha integrar na  perspectiva de replicação e desenvolvimento das praxis emergentes do supracitado Sítio. (link)

 

 

EQUIPA / TEAM

 

A equipa tem por principais interesses comuns de investigação no âmbito dos Objectivos do Projecto, a equação de Processos de Mudança na relação com a emergência da Sociedade do Conhecimento e, nesse âmbito, o desenvolvimento e a ponderação de:

 

a) Políticas da Ciência e da Formação de Quadros ao longo da vida;

b) Redes de promoção da cidadania, da coesão e do capital social;

c) Políticas de Serviço Público na perspectiva poliárquica, com especial incidência nas práticas de Ordenamento Integrado do Território e nas Políticas de promoção da Cidadania e dos Direitos Sociais indispensáveis ao Desenvolvimento Sustentável.

 

Assim sendo, pretende-se, com este Projecto, explicitar-se a problematização inerente à abordagem destes temas, na perspectiva que resulta da distanciação em que o observador se deve colocar enquanto sujeito epistémico, em face da  ponderação de um case study montado para esse efeito. Desde o investimento no trabalho de conceptualização à operacionalização das linhas de investigação-acção capazes de inserirem a problemática do Projecto na Agenda da Ciência e das Praxis Políticas, ter-se-á por norte a equação simultânea da garantia pública do Direito à Cidadania e do Contrato Social inerente ao incremento deste no âmbito da Sociedade do Conhecimento. (link)

 
       
  Membros efectivos
Core team

Alfreda Cruz
Tereza Ventura
Ângela Dionísio
Gonçalo Costa
Cristina Cavaco

PARCERIAS / PARTNERSHIPS

Câmara Municipal do Montijo

 

  • CMM /Perfil - Entidade de incubação da experiência-piloto do Projecto C&SC., escolhida pela Equipa no universo autárquico da Grande Lisboa em função da compatibilidade do perfil das actividades autárquicas assumidas no domínio social com os pressupostos da Linha Programática a que a equipa se vincula, e das economias de escala implicadas na adequação da dimensão demográfica e diferenciação territorial do Concelho à emergência local de um Sítio de Cidadania no triénio visado pelo Projecto. Um tal desígnio apela ao envolvimento da Autarquia voluntariamente assumida, enquanto entidade de incubação de uma bolsa piloto de recursos humanos, baseada na reorientação dos quadros disponíveis da Autarquia para a mediação que a referida base requer.

 

  • CMM / Objectivos perfilhados pela Parceria  - Parceria responsável pela produção do Observatório do Cidadão, assumido pela Autarquia enquanto entidade de incubação da experiência-piloto do Projecto, tendo esta como contrapartida para o financiamento da mesma a emergência do primeiro no Sítio Local de Cidadania formatado pelo modelo RECCRIA_PROMOVE_RESISTE (link) e o investimento a fundo perdido do leque articulado das competências da equipa C&SC do CFCUL na equação, implementação e desenvolvimento dos recursos autárquicos implicados na mediação das práticas de learning investidas no desenvolvimento do OC, com retorno na habilitação para competências funcionais acrescidas no desempenho autárquico.
     

KIE – Knowledge, Innovation and Education (Associação Conhecimento, Inovação e Educação)

 

  • KIE/ Perfil – Associação sem Fins Lucrativos, reconhecida como Instituição Academicamente Adscrita à Universidade Fernando Pessoa, é locus de pertença do membro da equipa C&SC especialmente vocacionado e habilitado para o desenvolvimento de dinâmicas de investigação abordando temáticas decorrentes da emergência da Sociedade do Conhecimento.
     

  • KIE/Objectivos perfilhados pela Parceria - Ao alargamento da comunidade de membros integrados no CFCUL com a inclusão da referida especialista nos supracitados termos corresponde por parte da KIE a disponibilidade para desenvolver as aplicações/avaliações do sub-projecto de formação de "mediadores de trabalho colaborativo" replicável nas redes de municípios que possam vir a constituir-se entidades incubadoras de cidadania, aderindo ao projecto C&SC da CFCUL, na esteira da experiência piloto em curso.

ACTIVIDADES REALIZADAS / ACTIVITIES

Estado da Arte e Perspectivas em Novembro de 2007
 

O "Estado da Arte" - E-book a constituir pelo sistema de artigos produzidos sobre o tema da "Cidadania _ Capital _ Coesão Social" pela Equipa C&SC em sede de apresentação de Comunicações ao universo científico da Educação e das Políticas Públicas (link)


Glossário de Conceitos -
Glossário de termos usados no desenvolvimento do Projecto C&SC, como "âncoras" do conhecimento tácito pertinente com o desenvolvimento cognoscente do grupo-alvo privilegiado do Observatório do Cidadão, sem prejuízo de remissão para o Dicionário de Conceitos (link) pertinente com a utilização do conhecimento explícito.


Criação e desenvolvimento do Observatório do Cidadão -
No contexto desta linha de investigação, o conceito  de entidade incubadora do Projecto comporta acrescentar às práticas de cidadania dinamizadas num território municipal a mais valia decorrente da estruturação de um sítio local de congregação de aprendizagens multifacetadas dos conteúdos com que a cidadania se relaciona, o que se traduz na criação de um observatório de práticas e de uma base de conhecimentos que delas derivem. O ponto ómega da estratégia de implementação consiste na criação e no desenvolvimento autónomo de um observatório do cidadão em que se territorialize o desenvolvimento das praxis sociais desencadeadas no Sítio Local de cidadania, cabendo a gestão da plataforma informática que venha a ser criada em registo de I&DT, ao colectivo dos cidadãos implicados na sua utilização interactiva com a equipa de mediação e de animação dos recursos humanos investidos na criação e no enquadramento da base de dados emergente dos referidos procedimentos. (link)


Formação de Mediadores de Trabalho Colaborativo na Sociedade do Conhecimento -
As grandes linhas do sub-projecto de investigação-acção referente a este item do Projecto C&SC abarcam a formação específica à constituição de uma equipa de mediadores, que no essencial farão a dinamização da produção colectiva de conhecimento na rede autárquica do Concelho do Montijo, a qual será provida pela Câmara dos recursos que garantam acessibilidade generalizada e apoiada ao Observatório do Cidadão. A definição e o teste de perfis de competências para o desempenho de trabalho colaborativo na Sociedade do Conhecimento por parte de funcionários afectáveis às tarefas de mediação, ajustarão aos objectivos do Projecto a concepção, o desenho e o sistema de formação, requalificação e reconversão susceptível de valorizar o potencial humano da bolsa de recursos a constituir, uma vez assumida como um dos grupos-alvo do Observatório, por inerência das funções de que estará incumbida.


Narrativa da Cidade -
A Narrativa da Cidade corresponde ao modo de envolver as instituições locais e a população em geral no processo de apropriação e de desenvolvimento dos conteúdos e das práticas sociais estimuladas pelo site. Na primeira fase será necessário que a Câmara estimule as referidas instituições a narrarem os seus trajectos e perspectivas e lance simultaneamente junto dos cidadãos, através da própria rede autárquica, iniciativas que permitam vir a povoar o site de conteúdos emergentes dos percursos de vida verbalizados para o efeito. Podem ser, por exemplo, artigos de opinião, sobre uma temática que o proponente ache pertinente, com ou sem imagens (fotos), acerca da cidade, do bairro, de problemas que as pessoas achem que devem ser resolvidos ou mesmo simples histórias de vida, narradas na 1ª pessoa ou por jovens sobre a memória dos avós ou familiares. Cabe à equipa de gestão do site proceder à análise de conteúdo dos textos entregues ou enviados para a própria Câmara, na base de política protocolar expressa no próprio site do Observatório, sendo da responsabilidade da equipa C&SC a validação e inserção dos contributos na Base de Conhecimentos deste.

 

Estado da Arte e Perspectivas em Novembro de 2008

 

Estando em progresso todas as dimensões do Estado da Arte do Projecto em Novembro de 2007, o estado actual encontra-se sumariado no Relatório integrado no ícone designado por Materiais (link).

RELATÓRIOS E EXPECTATIVAS / REPORTS AND EXPECTATIONS

   
     

PRODUTIVIDADE / PRODUCTIVITY

Livros
  • Alfreda Cruz (2005), A Cidadania na Estratégia de Desenvolvimento do Capital Social, Lisboa: Instituto Nacional de Administração, 87 pp.

  • Alfreda Cruz com Carvalho, M. (2004), Mulheres em Movimento. O feminismo no questionamento actual, Lisboa: ed. Ela Por Ela.

Artigos
  • Maria Alfreda Cruz (2003), "Ciência, Educação e Cultura. Para a Leitura Sociológica da Sociedade do Conhecimento", Anais. Série Sociologia III, pp.29-62.

  • Maria Alfreda Cruz (2003), "O Mercado Interno Europeu do Conhecimento e a Perspectiva da Cidadania Activa e Inclusiva", in Galileu, Revista de Economia e Direito, Vol. VIII, n.º 1, pp. 31-65.

Outras publicações
  • Maria Alfreda Cruz (2006-2011) Cidadania & Sociedade do Conhecimento. Por um Novo Contrato Social

  • Teresa Ventura (2008), "Práticas Matemáticas para Adultos - um Projecto de Investigação-Acção". http://terezaventura.net/ProgramaIAMAT.pdf

  • Teresa Ventura (2008), "Do Conhecer ao Reconhecer. O Caminho: Aprender Sempre" in Cidadania & Sociedade do Conhecimento, E-book do Projecto C&SC, Livro II. http://www.cidadania-social.net

  • Teresa Ventura (2008), "A sociedade da Informação e a Literacia Hipertextual" in Cidadania & Sociedade do Conhecimento, E-book do Projecto C&SC, Livro III. http://www.cidadania-social.net



I Produção on line resultante da Investigação correlacionada com o desenvolvimento do site cidadania-social


- Do Princípio da realidade ao Princípio da Possibilidade Livro I do Argumentário do Projecto-Âncora [link]
- Implicações da Cidadania Social nos novos Modos de Governação_Poster C3S – Historial (coautoria com Tereza Ventura ) [link]
- Implicações da Cidadania Social nos novos Modos de Governação_Poster C3S – Folheto de divulgação da estrutura do site [link]
- Implicações da Cidadania Social nos novos Modos de Governação_Poster C3S – (coautoria com Tereza Ventura e Ângela Dionísio)- Lançamento do Observatório do Cidadão [link]
- Implicações da Cidadania Social nos novos Modos de Governação_Poster C3S – (coautoria com Tereza Ventura ) - Seminário de mediação
[link]


II Outputs do Projecto C&SC/ Observatório do Cidadão

Património Tecnológico de suporte ao desenvolvimento do Projecto

cidadania-social.fc.ul.pt/

ocmontijo.net/


Comunicações

Capital Social e Cidadania na Sociedade do Conhecimento , Comunicação ao Congresso on line da Cibersociedade

Comunicação ao Seminário Franco Português Vivre en Europe (2007)

Congresso Internacional do OSERVARE (2011)

MATERIAIS / MATERIALS

 
     
       

LINKS / LINKS

Início / Home